Baterista do Foo Fighters é encontrado morto na Colômbia

Taylor Hawkins tinha 50 anos e tocou na banda de Alanis Morissette antes de entrar no Foo Fighters (Reprodução)

O baterista da banda norte-americana Foo Fighters, Taylor Hawkins, foi encontrado morto em um hotel em Bogotá, na Colômbia, informou o grupo neste sábado (25) em sua conta no Twitter. O Foo Fighters se apresentaria neste domingo no festival Lollapalooza, em São Paulo. A apresentação foi cancelada.

Hawkins tinha 50 anos e a causa da morte não foi divulgada. A banda estava em turnê pela América Latina e já havia tocado no México, na Argentina e no Chile. O baterista nasceu em 1972, no Texas, mas cresceu em Los Angeles e estudou música desde criança. Ele havia tocado na banda de Alanis Morissette antes de entrar para o Foo Fighters, grupo formado e liderado pelo ex-baterista do Nirvana, Dave Grohl.

“A família Foo Fighters está devastada pela perda trágica e prematura de nosso amado Taylor Hawkins”, diz a postagem do grupo. “Seu espírito musical e risada contagiante viverão com todos nós para sempre. Nossos corações estão com sua esposa, filhos e família, e pedimos que sua privacidade seja tratada com o maior respeito neste momento inimaginavelmente difícil”.

Confira o solo de bateria de Taylor Hawkins no Rock in Rio de 2019:

INDEX, com informações das agências internacionais de notícias